Viajar para um novo país é sua chance de conhecer uma nova cultura, fazer novas amizades, praticar o inglês e trazer muitas experiências inesquecíveis na bagagem. A realização deste sonho pode vir acompanhada de um super frio na barriga. O que fazer quando chegar? Confira as 10 providências que você deve tomar assim que chegar em San Francisco.

10 providências ao chegar em San Francisco

San Francisco
San Francisco

Cheguei, e agora?

1. Avise sua família

Sempre que você viaja alguém fica com o coração na mão esperando por notícias suas? O wifi no aeroporto de San Francisco é excelente, enquanto você espera sua bagagem, aproveite para ligar e avisar que chegou tudo bem.

2. Pegue o translado mais adequado

Antes mesmo de você chegar na cidade, verifique com a melhor opção de transporte. Quem está acostumado a viajar, o BART é o jeito mais popular para sair do aeroporto e ir ao centro da cidade, mas dependendo da quantidade de malas e pessoas pode ser uma alternativa que não vale a pena.

As shuttlles são uma ótima opção para quem está sozinho e podem ser contratadas com antecedência pela internet ou pelo app. Basta seguir as plaquinhas de “shuttle” depois que você pegar a mala na esteira e eles vão te deixar na porta do seu hotel. Reservas online geralmente têm descontos de até 15%.

Quando você retirar as malas, fique atento que empresas como Uber e Lyft oferecem um código que dá praticamente o valor da sua primeira corrida. Se você já sabe que está é uma das melhores opções baixe o app com antecedência, deixe o cartão de crédito cadastrado e o seu endereço em mãos para agilizar na chegada.

Código promocional do Lyft para
Código promocional do Lyft para receber $50 na primeira corrida no aeroporto de SF

Se você tiver fazendo um intercâmbio a escola oferece um serviço de translado e um representante fica te esperando com uma plaquinha com o seu nome e te leva até o local onde você ficará hospedado. É uma opção que costuma ser mais cara, no entanto, no entanto é mais segura principalmente para os pais que estão mandando os filhos para o exterior pela primeira vez.

3. Esteja preparado para o frio

Você já deve ter visto diversas pessoas citando a frase: O dia mais frio da minha vida foi em um verão em San Francisco. Logo ao sair do aeroporto você vai sentir um friozinho gelado batendo na nuca. Por ser uma península e devido a topografia venta muito e é preciso ter sempre um casaco por perto. Deixe sua blusa em um lugar estratégico e lembre-se de carregar com você sempre que sair de casa. As jaquetinhas no estilo down são uma ótima opção pra este fim, já que são super leves e fáceis de carregar.

Golden Gate da Angel Island
Neblina em San Francisco

4. Vá no visitor center e saiba mais sobre a cidade

Um lugar muito útil para os recém chegados é o Visitors Information Center, que fica na esquina mais badalada de San Francisco – na 900, Market St. Eles fornecem mapas de todos os jeitos e tem centenas de folhetos informativos em diversas línguas, inclusive em português. Lá você pode saber mais sobre atrações turísticas, restaurantes, museus, pegar cupons de desconto e pedir orientação sobre como chegar em algum lugar específico.

san-francisco-visitor-center
San Francisco Visitor Center

5. Conheça o sistema de transporte e faça seu clipper card

Aproveite para dar uma passadinha na estação do Bart – Powell, onde você pode adquirir seu clipper card caso o transporte público faça parte do seu dia-a-dia. É provável que você fique atrapalhado quando for utilizar a maquininha para comprar o bilhete pela primeira vez e leve um tempo até entender como faz as conexões. Além disso, tem o Muni, Bart, Cable car, Caltrain e tantos outros nomes que podem fazer os bondes te deixar confusos no início, os posts que seguem te ajudarão a entender a diferença e a melhor forma para se deslocar por San Francisco.

Transporte em San Francisco
Transporte em San Francisco

6. Compre um chip pro seu celular

Em todas as esquinas você vai encontrar um café onde pode utilizar o wifi e a própria cidade tem uma rede gratuita, mas ter um número de telefone e internet o tempo todo no seu celular pode facilitar a sua viagem. A partir de $30 você consegue comprar um chip pré-pago. Com internet 100% do tempo é melhor para se deslocar pela cidade, se comunicar com a família, encontrar bons restaurantes, além de poder trocar mensagens com amigos e postar as fotos para deixar todos morrendo de vontade de estar no seu lugar. Nas redondezas da Union Square você encontra lojas de todas as operadoras.

Confira também as dicas da Mary, nossa parceira do Hotel Califórnia Blog:

7. Compre o que não coube na mala

No centro ainda, você pode passar na farmácia para comprar algo que optou por não trazer como shampoo ou sabonete, por exemplo. Ou ir na Ross comprar uma roupa de cama ou travesseiro com um precinho camarada. Se você não estiver hospedado em um hotel, é bem provável que precise de algo. Tem de tudo por ali, inclusive um montão de moradores de rua. Não precisa ter medo, eles não vendem nada, nem tentam ajudar as pessoas a manobrar o carro contra a vontade, mas é provável que você tenha que se acostumar com eles de agora em diante.

8. Abra uma conta bancária

Embora a cidade seja considerada segura não é legal andar com muito dinheiro na carteira ou guardar a grana em baixo do colchão, certo? Independente do tipo do seu visto, apenas com o seu passaporte você pode abrir uma conta bancária. O processo é simples e rápido, o banco vai te dar um cartão de débito provisório e você pode utilizá-lo para qualquer tipo de pagamento.

Conta bancária
Conta bancária

9. Faça seu ID

Muitos lugares pedem que você tenha um documento, válido e com foto para coisas simples como tomar uma cervejinha. Oficialmente seu passaporte é seu documento oficial, mas andar pra lá e pra cá com ele é arriscado. Mesmo os mais cuidadosos acabam se distraindo com as novidades e quando percebem acabam largando o ID em algum lugar. Saiba que é o maior perrengue se você perder o documento mais importante durante a sua viagem. Terá que fazer um BO, refazer o passaporte, pagar outras taxas, enfim, pode te dar uma dor de cabeça daquelas. Você pode fazer o ID da Califórnia e até mesmo a carteira de matrícula consular que é também um vínculo com o Consulado Brasileiro em caso de emergência.

ID California
ID California

Se você vier estudar, o ideal é fazer uma carteirinha de estudante que também é aceita como documento de identificação. A internacional pode ser feita em agências no Brasil e a da escola você faz nos primeiros dias de aula. Com ela você também consegue descontos em estabelecimentos de vários lugares do mundo.

Se seu visto for de residente temporário como o H ou L por exemplo, você tem apenas 10 dias para dirigir com a sua carteira do Brasil. Neste caso, providencie sua carteira de motorista da Califórnia, você pode fazer o teste com um carro alugado e precisa estudar para as provas.

10. Enjoy San Francisco e Beyond

Faça amizades, vá trabalhar de um café, frequente os eventos, se exercite nos parques, faça aulas de inglês ou qualquer outra atividade que te agrada. Conheça San Francisco como um local, saiba mais sobre os San Franciscanos, coma os produtos típicos, visite as atrações turísticas. Não deixe de viajar, ir para um bar ou balada, experimente um vinho fabricado na região e enjoy!

Golden Gate Bridge_12 copy

Last but not least…Leia o @acontecenovale e aproveite todas as nossas dicas para curtir o Vale do Silício, toda Baía de San Francisco e a Califórnia.

Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

Comentários

comentários

2 Comentários

  1. gostei muito da informacao aprendi mais ao ler gostaria de compartilhar com voce para aprender mais todos os dias

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here