Uma das coisas que nós brasileiros ficamos viciados quando mudamos para os Estados Unidos são os parques nacionais. É impressionante como estes lugares são bonitos e organizados neste país. Nestas férias fomos visitar o Yellowstone e o Glacier National Park e embora o assunto principal do blog seja a Califórnia, aproveito para dar uma folga pros nossos leitores e levar vocês pra conhecer um pouco destas maravilhas da natureza. Quem sabe te inspiro com a próxima road trip, heim?

Viagem para o Yellowstone saindo de San Francisco

Viagem para o Yellowstone
Welcome to Yellowstone

Ano passado eu o marido fomos conhecer os parques de Utah. Para quem tem interesse nesta viagem, eu conto todos os detalhes neste post:

Este ano nosso destino foi o Yellowstone e o Glacier. Como os parques são divinos e nem todo mundo consegue fazer tudo em apenas uma viagem resolvi fazer 2 posts para falar de cada um deles. Foram apenas 3 dias em cada parque. 3 dias super intensos com aquelas paisagens pra ninguém por defeito!

Viagem para o Yellowstone
Yellowstone

Preparativos para a viagem

Nós saímos de Oakland, voamos até Utah, alugamos um carro em Salt Lake City e dirigimos até Montana, mais especificamente Kalispell, onde pegamos o voo de volta para San Francisco. Foram mais de 2 mil milhas em 1 semana 😀

Gente, preciso contar aqui que sou fã de carteirinha do MauOscar, um dos melhores blogueiros de viagem que conheço. Se você pegar o post dele explicando como fazer a viagem pro Yellowstone, não tem erro. Ele conta todos os detalhes, inclusive o que fez de errado e como faria melhor. Ele deu todas as dicas de onde ficar e facilitou total a nossa viagem. A Cristina e o Renato do blog Pegadas na Estrada, também têm dicas excelentes de roteiro nos 2 parques. Eles contribuíram para tornar tudo perfeito. Viva os blogueiros 😀

Como planejar a viagem para o Yellowstone

Depois de estar munida de boas informações ficam aqui as dicas baseadas na minha experiência.

Entrada do Yellowstone
Entrada do Yellowstone

Nós cogitamos ir de carro, mas entre uma horinha de avião e um dia todo dirigindo, foi fácil decidir. Existem vários aeroportos próximos ao Yellowstone, mas os menos tem menos frequência de voos e por isto são super caros. Decidimos ir pra Salt Lake City na sexta no fim da tarde, dormir lá, alugar um carro, passar no mercado comprar uns snacks pra viagem e pegar a estrada cedinho. São em torno de 5 horas de Salt Lake City até a entrada West do Park.

Estrada de Salt Lake City pro Yellowstone
Estrada de Salt Lake City pro Yellowstone

As rodovias são perfeitas e nós cruzamos praticamente todo o estado de Idaho. Os voos saindo de Oakland, cidade vizinha de San Francisco geralmente são bem mais baratos que SF, foi o que fizemos! Nós pagamos $59 por pessoa o trecho 😀 e depois de passar muito perrengue com locadoras, agora somos clientes fiéis da Enterprise, que nunca nos deixou na mão, e inclusive nesta viagem nos deu um upgrade de carro standart para 4×4, o que foi ótimo, já que a previsão era de neve.

Idaho
Por um álbum cheio de plaquinhas :d Welcome to Idaho

Seguindo as dicas do MauOscar, de tentar ficar o mais próximo possível do Yellowstone Lake, nós fomos direto pra cidade de West Yellowstone, que é praticamente na entrada do parque. A cidade lembra os filmes de velho oeste, é bem lindinha. Ficamos no The Historic Madison, um hotelzinho antigo e simples, mas com bom preço e na cara do gol!

Madison hotel - West Yellowstone
Madison hotel – West Yellowstone

Lembrando que se você for no inverno apenas as entradas do Norte e Nordeste ficam abertas, ok? Chegamos no hotel, fizemos check in, almoçamos, e fomos no Visitor Center que era ao lado pedir dicas do que fazer. O ranger que trabalha lá, foi a pessoa mais atenciosa do mundo. Ele pegou marcadores de texto de cores diferentes e circulou os lugares que deveríamos ir cada dia, e aí ficou fácil neh? Foi só parar nos locais conforme indicação.

o que fazer no Yelllowstone
O que fazer no Yelllowstone

Roteiro de 3 dias no Yellowstone

Yellowstone foi criado em 1872. É o primeiro parque nacional a ser estabelecido no mundo e nos EUA. Sua área abrange os estados de Wyomming, Montana e Idaho e o parque tem mais geysers que o restante do mundo inteiro reunido.

O que fazer no Yellowstone – Dia 1

No primeiro dia que tínhamos somente a tarde livre, aproveitamos para conhecer os lugares mais próximos da entrada West. Neste dia vimos geyseres, lagos e cachoeiras e muita vida selvagem. Os lugares imperdíveis foram:

Gibbon Falls

roteiro de 3 dias no Yellowstone
Gibbon Falls

Artists Paintpots

Artists Paintpots no Yellowstone
Artists Paintpots no Yellowstone – o maridão fazendo fotos artísticas 😀

Os passeios são super fáceis dentro do parque, basta você estacionar e dar uma caminhadinha pra chegar nos pontos principais. Todos os lugares tem passarelas para caminhar, mirantes, tudo muito organizado e lindo.

Norris Geiser Basin

Norris Geiser Basin
Norris Geiser Basin

Eu estava feliz da vida passeando no meio de toda aquela fumaceira.

Yellowstone
Nas passarelas do Yellowstone 😛

Algumas partes deste dia, me lembraram muito o Bumpass Hell no Lassen, no norte da Califórnia. Conto sobre o parque nestes posts:

Eles pedem para as pessoas evitarem de dirigir a noite porque é super fácil bater nos animais que atravessam a pista, os olhos dos Bisons não brilha no escuro. E se você ver um murmurinho de carros, pode saber que tem um deles por perto.

Bison no Yellowstone
Bison no Yellowstone

O que fazer no Yellowstone – Dia 2

No segundo dia, fomos conhecer a parte mais famosa do que vemos a respeito do Yellowstone. Se você tiver apenas um dia por lá, é provável que você faça este trajeto. Fomos parando em todos os locais que tínhamos direito 😀 Os geysers dominam o cenário. Os pontos imperdíveis são:

Firole Canyon Drive

Firole Canyon Drive
Firole Canyon Drive

E entre geisers e cachoeiras, mais bisons 😀

Bisons no Yellowstone
Bisons no Yellowstone

Eram tantos que às vezes o trânsito parava pros bichanos passarem. A maioria deles pesa mais de uma tonelada 😮

Bisons na estrada
Bisons na estrada

Fountain Paint Pot

Fountain Paint Pot
Fountain Paint Pot

Midway Geyser Basin

Este é um dos locais mais visitados e é só dar uma volta para entender porque.

Midway Geyser Basin
Midway Geyser Basin

É onde fica o Grand Prismatic, o principal cartão postal do Yellowstone.

Yellowstone
Grand Prismatic Yellowstone

Tem um geyser do lado do outro e todos são incríveis.

Geisers no Yellowstone
Geisers no Yellowstone

Old Faithful – o lugar mais movimentado do Yellowstone

Old Faithful é o principal ponto turístico dentro do Yellowstone, onde se concentram a maioria dos hotéis, lojas e restaurantes e tem uma variedade de exposição sobre como tudo “borbulha”por lá.

Old Faithful
Old Faithful – vista do Inspiration Point

Fizemos uma trilha até o Inspiration Point para ver os geysers do alto. Eles entram em erupção de hora em hora e tem platéia para assistir. Os mais importantes tem horário marcado pra subir. Na trilha tinha até uma tribo fazendo umas orações por lá e outros animais grandes fazendo a alegria dos fotógrafos de plantão.

Yellowstone
Mais bichos

Na estrada no sentido leste, a paisagem mudou completamente. Tinha nevado muito na semana anterior e estava tudo branquinho.

Neve no Yellowstone
Neve no Yellowstone

Tinha até boneco de neve na parte da divisa continental.

Continental Divide no Yellowstone
Continental Divide no Yellowstone

West Thumb

Um dos lugares que mais gostei foi o West Thumb.

West Thumb
West Thumb

Além dos geysers, dava pra ver o lago imenso e as montanhas cobertas de neve no fundo.

Yellowstone
West Thumb

Lindíssimo!

Yellowstone
West Thumb com o Lake Yellowstone ao fundo

Onde se hospedar dentro do Yellowstone

Xanterra é a empresa que tem a concessão para oferecer acomodação e alimentação dentro do Yellowstone. Então você não vai encontrar nenhum hotel dentro do parque que não seja no site deles. A maioria destes hotéis, são 9 no total, precisam ser reservados com bastante antecedência, se não é quase impossível conseguir vaga. Lembrando que muitos deles fecham em meados de setembro.

Yellowstone
Hotel Lake Yellowstone

Por sorte, nós conseguimos o Lake Yellowstone Hotel & Cabins. Eu peguei as cabanas que eram mais em conta #Walmaodevaca, mas depois de conhecer o hotel, eu acho que deveria ter pago mais pra ficar nele. Funciona assim, tem o hotel que parece uma mansão e as cabanas mais simples atrás, mas claro, você tem direito a usar toda estrutura independente de onde ficar.

Yellowstone
Cabanas no Lake Yellowstone

Nós jantamos lá e o serviço é ótimo e mesmo que você não se hospede ali, super recomendo que faça um stop e vá tomar uns drinks na janelinha de frente pro lago!

onde ficar no Yellowstone
Hotel no Yellowstone – eu e o maridão namorandinho

É uma delícia ficar dentro do parque porque dá pra fazer tudo sem pressa 😀 É um pouco mais caro, mais vale pela economia das horas de deslocamento. Falando em transporte, este é o busão oficial do Yellowstone. Super bacana!

Transporte no Yellowstone
Transporte no Yellowstone

Faltou conhecer a Natural Bridge antes de chegar no hotel, mas ficamos com medo, porque nosso carro era o único do estacionamento e tinha vários alertas de urso. Infelizmente não vimos nenhum ursinho 🙁 No mais, vi até lobo!

Lobo
Lobo na estrada

O que fazer no Yellowstone – Dia 3

No terceiro dia, seguimos em direção a Gardiner. Neste trajeto, várias paradas na estrada para registrar a paisagem.

Yellowstone
Yellowstone

A gente conheceu:

Mud Volcano

O lugar mais fedido do parque todo.

Yellowstone
Mud Volcano

Lower Falls e Upper Falls

Gente, o que eram estas cachoeiras? Em uma parte você tem a visão dela de baixo e na outra de cima, por isto lower e upper. A vista é incrível de todos os ângulos.

Yellowstone
Foto panorâmica das cachoeiras do Yellowstone – haja lentes 😀

O Grand Canyon do Yellowstone

Haja lentes pra por tudo nas fotos 😀 Tinha uma frase lá que dizia o seguinte: Beyond the reach of human art, diz tudo neh?

Grand Canyon no Yellowstone
Grand Canyon no Yellowstone

O lugar é conhecido como Grand Canyon e é o mais impressionante em termos de natureza no parque inteiro, pelo menos foi pra mim.

Grand Canyon do Yellowstone
Grand Canyon do Yellowstone, eu e o marido e nossa filha, digo, nossa câmera 😀

As paisagens te fazem suspirar o tempo inteiro.

Canyon Village

A caminho de Mammoth Hot Springs, tem o Canyon Village, que é outra área com hotéis , lojas e restaurantes que é legal para almoçar. Eles também tem um visitor center fantástico, onde assistimos um filme com todos os detalhes do Yellowstone. E em direção ao norte, tem várias pequenas cachoeiras e o Mount Washburn, com uma das trilhas que é favorita entre os visitantes. Ideal para explorar se você for no verão e não tiver muito medo de ursos 😛 Algo impressionante no trajeto é a estrada, que é cheia de curvas com paisagens fantásticas.

Estrada Yellowstone
Estrada Yellowstone

Paramos otras tantas vezes pras fotos!

paisagem no Yellowstone
Esta é a área favorita do lobos e estava cheio de fotógrafos em busca da foto perfeita

Mammoth Hot Springs

Lindo e diferente de tudo que já vi na vida.

Mammoth no Yellowstone
Mammoth Hot Springs no Yellowstone

Ali tem várias passarelas e você passando por estas formações, algumas bem vivas, outras parecem que pararam a milhares de anos. Impressive! 😀

Mammoth
Mammoth

O Mammoth conta com diversos hotéis, restaurantes mais requintados e é uma área que dá pra passar o dia, fica há 5 milhas de Gardiner, a primeira cidade na entrada norte.

 

Onde se hospedar em Gardiner ao norte do Yellowstone

Nos hospedamos no Absaroka Lodge que não tem luxo nenhum, mas tem um visu incrível das montanhas. Olha só a vista em frente ao hotel:

onde ficar em Gardiner
Gardiner na entrada do Yellowstone

A cidade é pequena e dá pra ir no centrinho a pé. E ah, tenho que dar a dica, vai no Bistro Haven que é em frente a entrada do parque e se acaba nas carnes tradicionais da região 😀 Comemos filé de Bison e lasanha de Elk lá que era de comer rezando.

Hotel em Gardiner
Varanda do hotel

Foi nesta varandinha com clima de quero mais que acabou nosso passeio no Yellowstone.

Sério, eu não mudaria absolutamente nada neste roteiro. Os locais onde dormimos facilitaram demais a logística da viagem, fizemos tudo sem pressa. Fiquei super impressionada com a organização do parque como um todo e saí super realizada.

Pronto pra próxima? Confira a continuação da nossa viagem pelo Glacier 😀

Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

Comentários

comentários

1 comentário

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here