Napa Valley é o paraíso para quem ama um bom vinho. Mas e se você não é chegado na bebida, vale a pena conhecer esta região? Claro que vale! 😀 Neste post falamos sobre o que fazer em Napa, sem incluir degustações.

Napa Valley: 12 atrações para quem não gosta de vinho

Arte em Napa
Arte em Napa

O que fazer em Napa sem degustar vinhos

1. Visitar um castelo

Uma visita em Napa se torna ainda mais inesquecível com um stop para fotografar os castelos. O Chateu Montelena tem um jardim incrível e é ideal para quem quer aprender sobre a história do vinho que tornou o Napa Valley uma das regiões mais famosas do mundo. O Castelo Di Amorosa também é um daqueles lugares que vai te fazer voltar no tempo e suspirar!

Castelo di Amorosa Napa Valley
Castelo di Amorosa Napa Valley

Conto detalhes sobre a visita nos dois, nestes posts:

2. Ver um gêiser em erupção

O Old Faithful Geyser da Califórnia foi declarado um dos três gêiseres mais fiéis do mundo por causa de suas erupções regulares. Na cidade de Calistoga, em Napa, você pode ver as erupções ao vivo, entender melhor sobre como isto acontece, os efeitos, além de visitar a fazenda cheia de animais fofos, com direito a lamas e cabras. Você sabia que o gêiser é um bom preditor de terremotos? Quando as erupções estão atrasadas é um sinal que a terra vai dar aquela chacoalhada nas redondezas em breve :0

Geyser em Napa
Geyser em Napa

Custa $15 a entrada por adulto. Veja aqui mais detalhes para fazer sua visita.

3. Se aventurar de Harley

Se beber não está nos seus planos, mas a aventura fica sempre no topo da lista, que tal incrementar sua trip fazendo um passeio de Harley? Pilotos experientes ou marinheiros de primeira viagem podem alugar uma moto bem incrementada no centro de Santa Helena na loja Nieman’s Motorcycle. Para os que preferem pegar mais leve, também tem a opção de locar uma magrela. Tem várias trilhas para ciclistas na região 😉

Harley em Napa
Loja Nieman’s em Napa

4. Fazer um passeio de balão

Sinta-se num filme, com uma experiência fora de sério fazendo um passeio de balão pra ver o vale de Napa todinho lá do céu. O passeio inicia cedinho e conta com café da manhã. Todas as vezes que inclui o balão na minha visita, o vento me sacaneou 🙁 Sugiro inclusive que você tenha um plano B se esta atração estiver na sua lista. Um dia ainda realizo este sonho…

Balao em Napa
Balão em Napa. Foto: Visit Napa Valley

Se você tem interesse no passeio, pode conferir o depoimento da Mary, que conta em detalhes sobre o balão em Napa neste post.

5. Tomar um banho de lama

Plano B, pode incluir lama! Calistoga, no norte de Napa Valley, atrai visitantes de diversas regiões devido aos spas de águas termais e os tradicionais banhos de lama. Seja para tratar problemas de saúde e ou embelezar a pele, a combinação da água com as cinzas vulcânicas promete relaxar os músculos e articulações, desintoxicar e renovar a pele. Uma ótima atração para quem quer parecer uns anos mais jovem depois da viagem 😛

Banho de lama em Napa

Leia mais sobre a experiência completa, neste post:

6. Se deslumbrar com as obras de arte

Napa é um paraíso para quem gosta de arte. Na região você encontra desde vinícolas e hotéis com obras espalhadas pelos seus jardins, até teatros históricos com performances exclusivas, museus e galerias específicas e há também lugares especiais para que você mesmo possa “pintar e bordar”. Uma das atrações mais bacanas ficam na cidade de Napa e Youthville, onde o visitante pode fazer a Art Walk que é uma caminhada com esculturas pelo caminho. Das vinícolas a The Hess Collection é uma das favoritas quando o tema é arte.

Arte em Napa
Arte em Napa

7. Se acabar numa refeição dos Deuses

A maior quantidade de estrelas Michelin per capita nos Estados Unidos é marcada pelos restaurantes premiados do chefe Thomas Keller em Youthville, mas independente de quanto você deseja investir numa boa refeição, o que não vai faltar são boas opções para uma experiência gastronômica top em Napa.

Alberge du Soleil em Napa Valley

Conto mais detalhes, nestes posts:

8. Conhecer os produtos MADE IN NAPA

Uma outra alternativa para comer bem, além de ser uma das melhores maneiras de conhecer mais sobre a região, é visitar os mini-mercados públicos. Você vai encontrar com vários destes centros comerciais contando com itens feitos artesanalmente pelos produtores locais. Você ajuda a comunidade, se delicia, e ainda leva um presente exclusivo pra casa 😀 O Oxbow Market e Napa Gereral Store são dois lugares bem populares e que podem encaixar direitinho com um passeio pelo centro da cidade de Napa 😉

Owbow Public Market
Owbow Public Market

9. Fazer um piquenique em Napa

Comprar produtos bem locais e curtir o dia fazendo um piquenique é um dos programas mais gostosos para se fazer na região dos vinhos. A vinícola V. Sattui Winery tem um mercadinho cheio de produtos gostosos e uma área excelente pra quiser estender a toalha e aproveitar um dia de sol.

Picnic em Napa
Área de picnic naV. Sattui Winery em Napa

10. Conhecer as principais cidades do Vale do Vinho

Napa e Sonoma são regiões distintas e mais do que visitar vinícolas, vale dar uma passada pelo dois vales para entender na prática qual a diferença. Além disso, a principais cidades tanto de Napa, quanto Sonoma são super agradáveis e dar uma volta no centrinho delas, onde se concentram as lojinhas e restaurantes, já é por si só, um passeio super agradável.

Centrinho charmoso da cidade de Calistoga
Centrinho charmoso da cidade de Calistoga

Ps. Pare nos centros de informações ao turista, peça dicas, pegue cupons de descontos e fique por dentro dos eventos mais interessantes que estarão acontecendo durante sua visita!

11. Fazer uma aula de culinária

Se Napa é um lugar bom para comer e beber, já era de se imaginar que tem muitas escolas fantásticas para quem gosta de cozinhar, não é mesmo? Se além da garfo e faca, você for bom nas panelas, que tal passar um dia em uma das escolas tops da região? Existem várias delas e as favoritas são: Silverado Cooking School e o The Culinary Institute of America.

Aula de culinaria em Napa
Aula de culinária – foto ilustrativa

12. Tirar foto na placa de Napa Valley

Não basta ser turista, tem que participar! A plaquinha na entrada ou saída de Napa é um registro obrigatório para quem visita a região e independente de quanto você goste ou não de vinho, tem que levar pra casa este postal para recordar da sua viagem 😉

Placa de boas vindas em Napa Valley

Tem outras ideias? Manda pra gente!

Artigo anteriorCampos de girassóis na Califórnia
Próximo artigoRoteiro de um Final de Semana em San Luis Obispo
Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.