HomeTurismoSan FranciscoTea Garden, o jardim japonês de San Francisco

Tea Garden, o jardim japonês de San Francisco

-

Quem gosta de um ambiente zen para relaxar, precisa conhecer o Japanese Tea Garden, um cantinho super especial do Golden Gate Park em San Francisco. O espaço repleto de verde, reflete no paisagismo e arquitetura elementos típicos da cultura japonesa. É um mix de aromas indulgentes com filosofias religiosas que transmite uma sensação única de paz e relaxamento. Preparado para se transportar para este pedacinho do paraíso? Então vem com a gente visitar o Japonese Tea Garden.

Tea Garden, o jardim japonês em San Francisco

Buda no Japonose Tea Garden

Se você visitar San Francisco, é bem provável que o Golden Gate Park esteja na sua programação. Quando passar por lá, não deixe de fazer um stop no Japonese Tea Garden. O Jardim é próximo do The Young Museum e 1 uma hora é tempo suficiente para fazer uma visita. Se tiver tempo, confira nossas dicas para curtir a vizinhança, neste post sobre o bairro Sunset.

Como visitar o Japonese Tea Garden em San Francisco

Tea garden
Tea Garden

O espaço que inicialmente era uma vila japonesa, foi criado para a exposição Mid-Winter que aconteceu em São Francisco em 1894. Depois que o evento terminou, o superintendente do Golden Gate Park, John McLaren, deixou o jardineiro japonês Makoto Hagiwara transformá-lo em um jardim de estilo japonês, o qual hoje é considerado o mais antigo jardim japonês formal aberto ao público nos Estados Unidos.

Jardins do Japonese Tea Garden

No jardim, você encontrará cerejeiras, azáleas, magnólias, camélias, pinheiros, cedros e ciprestes e vários bonsais trazidos pela família Hagiwara. Características como água e pedra também são consideradas a espinha dorsal do projeto que está bastante relacionado com religiões da cultura ocidental, as quais têm uma grande ênfase na importância de interagir com a natureza.

Tea Garden SF
Tea Garden SF

Na nossa última visita por lá, uma amiga nos explicou sobre alguns detalhes, como a forma que as pedras são colocadas, o jeito que água flui, a rota dos caminhos, a sequencia das árvores, tudo é organizado para promover um fluxo natural. Em algumas religiões acredita-se que os espíritos dos ancestrais e dos deuses se manifestam na natureza e determinam a sorte daqueles que interagem com ela. A limpeza também é muito enfatizada e as cachoeiras e os lagos são um meio purificar. Os elementos devem ser simples e fácil de navegar e todos estão presentes no Tea Garden de San Francisco.

Japonese Tea Garden no Golden Gate Park
Japonese Tea Garden no Golden Gate Park

O que fazer no Japantown em San Francisco

Lugares para visitar no Japonese Tea Garden no Golden Gate Park

Main Gate, o portão de entrada do jardim japonês

O portão de entrada é feito da madeira do Hinoki Cypress sem o uso de pregos. Ao lado, você verá árvores como a Monterey Pine, que foram crescem no jardim desde 1900.

Main Gate no Japonese Tea Garden em San Francisco
Main Gate no Japonese Tea Garden em San Francisco

Olhando para a esquerda tem um hedge cortado na forma de MT. Fuji uma homenagem às raízes japonesas de Hagiwara que morava perto da montanha mais alta do Japão.

Buda de bronze, a escultura sagrada do jardim

A escultura do buda é toda de bronze, foi fundida no Japão em 1790 e doada para o Japonese Tea Garden em 1949.

Japonese Tea Garden
Japonese Tea Garden

Tea House, uma pausa para um chá durante o passeio

A experiência que não pode ficar de fora do passeio, é sentar na Tea House para apreciar um dos tradicionais chás da casa. Diz a lenda que este foi primeiro lugar no mundo a servir as Fortune Cookies, ou biscoitos da sorte. Uma boa pedida por lá é o Green Tea Latte 😉 Sanduíches, miso soup e green tea cheese cake também fazem parte do cardápio.

Tea House

A casa tem um ambiente bem relax com vista para um lago de carpas, cercado por azáleas japonesas, bonsais e cachoeiras. Quem quiser uma experiência bem tradicional, todas as quartas e sextas-feiras, eles realizam uma autênticas cerimônias do chá japonês por ali.

Carpas no lago, tem gente que ainda acredita que tratar peixes com moeda traz sorte :/

Zen Garden, o espaço mais relax do Tea Garden

Esses jardins feitos de pedras e areia foram projetados para ajudar aqueles que estão em busca da iluminação. Um espaço bem gostoso para sentar e relaxar a mente.

Zen Garden

Do outro lado vários bonsais e diversas árvores, tudo muito lindo.

Drum Bridge, um círculo de boas energias

A ponte que reflete a água parada cria uma ilusão de um círculo completo. É uma das atrações mais disputadas para as fotos no Tea Garden.

Drum bridge com a minha amiga queridona do Brasil

Pagoda, a estrutura especial do jardim

A estrutura mais espetacular do jardim é a pagoda de cinco andares, que foi construída para Exposição do Panamá, junto com o Palace of Fine Artes em 1915. Logo depois, ela enviada para o Tea Garden. Os pagodas têm um lugar especial na cultura do Extremo Oriente, pois servem como santuários budistas. Os nove anéis neste exemplo em particular simbolizam os diferentes céus dos deuses.

Caminhada pelo jardim japonês do Golden Gate Park

Os jardins paisagísticos cobrem cinco hectares, por isso há uma abundância de lugares bonitos para explorar.

Jardim Japonês em San Francisco
Jardim Japonês

As lanternas de pedra

As lanternas de pedra vistas ao redor do jardim representam os cinco elementos do budismo: terra, água, a luz /fogo ar e o espírito. Casa lanterna simboliza a união dos cinco elementos com harmonia na natureza.

Tea Garden no Golden Gate Park
Lanternas de pedra

Loja de presentes do Tea Garden

Para quem se apaixonar e quiser levar um presente com a cara do jardim pra casa, pode passar no gift shop. Aliás, hoje esta casa é única construção original, que previamente foi residência da família Hagiwara.

Gift shopping Tea Garden
Gift shopping Tea Garden

Entre 1895 e 1942, Hagiwara e sua família residiram, cuidaram e promoveram o desenvolvimento do Japanese Tea Garden, até que a Segunda Guerra Mundial forçou a família a sair desta casa e ir para um campo de concentração. Em 1953, a Lanterna da Paz, foi colocada no local em um esforço para aliviar as tensões associadas ao passado.

10 lugares para conhecer no Chinatown em San Francisco

Visita ao Jardim japonês de San Francisco

O jardim é aberto todos os dias do ano incluindo feriados. De março à outubro o horário é das 9 às 18h e de novembro à fevereiro, das 9 às 16:45.

Tea Garden no Golden Gate Park

A visita custa $9 (adultos) e as bibliotecas oferecem tours guiados 3 vezes na semana. Como março e abril as flores estão começando a dar o ar da graça, é o mês favorito para quem ver tudo ainda mais colorido.

Waldana
Waldana
Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

3 COMENTÁRIOS

  1. Quando estive lá, eu quis atravessar a ponte porque imaginei que tivesse algum simbolismo. Depois, pesquisei e descobri que o nome dado à esse tipo de ponte é Arched Drum Bridge (Ponte curvada/arqueada em forma de tambor) ou Moon Bridge (porque, ao se tirar uma foto pela lateral, e juntando com reflexo dela na água vai formar um círculo, em referência à lua cheia.

    E também: “Soribashi ou Taikobashi é uma ponte em forma de meia lua ou tambor (Taiko) . Não é fácil andar sobre ela por causa do seu ângulo de inclinação e degraus. Na China, esse tipo de ponte é muito comum (algumas com curvaturas inimagináveis) , pois existem vários canais e as pequenas embarcações precisam ser capazes de passar por baixo dela. O efeito colateral positivo é que, devido a sua forma, o visitante é obrigado a andar devagar e assim apreciar o Jardim em toda a sua plenitude e de uma altura elevada.”

Fechado para comentários.

Leia Também

A lagoa luminosa na Jamaica

A experiência de nadar em uma lagoa luminosa da Jamaica

0
Saiba como fazer o passeio do seu hotel até a Marina Glistening Waters, para ter a experiência de nadar em uma lagoa luminosa da Jamaica.
Ilha dos Flamingos em Aruba

Tudo que você precisa saber para visitar a ilha dos flamingos...

0
Planejando uma viagem para Aruba? Neste post vou te contar tudo o que você precisa saber para visitar a famosa ilha dos Flamingos em Aruba.
Skydiving em Dubai - em cima da ilha The Palm

Skydive em Dubai, a experiência de saltar em cima do cartão...

0
Eu pulei de um avião e tenho a foto mais linda da vida! Saiba como é a experiência de fazer Skydive em Dubai.