Quando se fala em ponte e San Francisco, imediatamente lembramos da Golden Gate Bridge, mas o que você sabe sobre a extensão que conecta San Francisco com Oakland? Conheça a Bay Bridge.

Bay Bridge a ponte que conecta San Francisco com Oakland

Bay Bridge
Bay Bridge

Diariamente 250 mil veículos cruzam a ponte que pode ser utilizada em casos de terremotos, oferece vistas fantásticas da Baía e também conta com um caminho específico para bicicletas e pedestres.

A antiga Bay Bridge

O Departamento de obras públicas da Califórnia iniciou a construção da ponte entre San Francisco e Oakland em 9 de julho de 1933. Multidões se reuniram para celebrar a estrutura de aço que seria na época a mais longa do mundo. A cerimônia durou 4 dias e teve a presença até mesmo de Franklin Roosevelt que na época era o presidente dos Estados Unidos.

Antiga Bay Bridge
O que se vê da ponte original ao passar pela nova Bay Bridge

Naquele momento uma ponte para percorrer mais de quatro milhas era algo impensável devido as águas turbulentas e as fortes rajadas de vento da báia. Os ventos fortes da área representavam uma ameaça maior do que os terremotos.

Bay Bridge
Bay Bridge

Na época só os ferries levavam as pessoas até San Francisco. Mas em 1936, os automóveis passaram a ser o futuro do transporte para chegar na cidade. No primeiro ano a ponte transportou 9 milhões de veículos e hoje são aproximadamente 102 milhões por ano.

A ponte tem 10 pistas, 7.18 km e foi aberta pela primeira vez em 12 de novembro de 1936, há 80 anos.

Passando de carro pela Bay Bridge
Passando de carro pela Bay Bridge

Até 1962 os carros dirigiam em ambas as direções na parte superior da ponte enquanto os caminhões e os trens transitavam em ambos os sentidos na parte inferior. Os trens passaram até 1958, em 1962 a ponte foi reconfigurada para transportar apenas carros e caminhões.

Bay Bridge
Bay Bridge

A nova Bay Bridge, a ponte à prova de terremotos

A ponte sofreu um colapso parcial no terremoto de 1989, depois disso extensos estudos foram realizados para determinar se as maiores pontes do estado eram seguras em casos de terremotos. E como é de se imaginar, a Bay Bridge não passou no teste e por isto foi submetida a uma importante modernização sísmica.

Bay Bridge
Bay Bridge

O custo estimado da nova Bay Bridge é de $ 6,416 bilhões e os valores ainda são avaliados trimestralmente.

Bay Bridge
Bay Bridge vista do Pier 14

Um dos maiores desafios no trabalho de segurança sísmica na Bay Bridge foi que o tráfego deveria ser mantido em movimento. Isso exigiu a construção de estruturas temporárias e deslocamento da ponte existente, para agilizar o trabalho principal da construção e da demolição foi programado frequentemente durante noites e fins de semana motivo pelo qual o período de construção levou mais tempo que o previsto. A nova Bay Bridge foi aberta em 2 de setembro de 2013.

A ponte é designada como uma rota de “emergência” e pode ser acessada mesmo em casos de desastres. Quando os engenheiros projetam estruturas para resistir a terremotos, eles usam “movimentos de rocha” para ajudá-los a calcular as forças sísmicas máximas que a estrutura pode experimentar e projetam a estrutura para resistir a essas forças.

Bay Bridge na Autodesk
Projeto da Bay Bridge na Autodesk em San Francisco

Vários projetos foram realizados para verificar a viabilidade da ponte, inclusive você pode verificar alguns deles na exposição na Autodesk em San Francisco. A Bay Bridge foi considerada a maior obra de engenharia na história da Califórnia e os modelos 3D conforme a foto acima foram detalhados para as potenciais empresas que poderiam ser contratadas para executar os projetos.

Leia também:

Estima-se que o período de duração para suportar eventos sísmicos raros é de 1500 anos. O Departamento de Transportes da Califórnia completou modernizações em outras quatro principais pontes da área da baía: a ponte San Mateo-Hayward, Richmond-San Rafael, Carquinez e a ponte Benicia-Martinez.

Passando pela Bay Bridge
Passando pela Bay Bridge

E a o que será da ponte original?

Ela será demolida totalmente demolida. A demolição completa, que deverá totalizar $239 milhões, será dividida em três partes e levará aproximadamente três anos.

Bay Bridge
Bay Bridge

Dá pra passar de bicicleta na Bay Bridge

Sim. Embora não seja um passeio popular como a Golden Gate, a Bay Bridge oferece vistas fantásticas de San Francisco e uma parte do caminho com acesso a pedestres e bicicletas foi aberto ao público em setembro de 2013. O caminho ainda não é popular devido ao acesso. A trilha de pedestre e bicicleta pode pode ser acessada a partir de Emeryville ou Oakland. Três pontos de acesso fornecem uma rota direta o mais popular deles é na Shellmound Street em Emeryville, do lado da loja IKEA. Futuramente o acesso será totalmente ligado a Yerba Buena e Treasure Island.

Bay Bridge
Bay Bridge

Pedágio na Bay Bridge

Para entrar em San Francisco por ambas as pontes é necessário parar o pedágio. O valor é de $6 de segunda a sexta-feira das 5 às 10:00 da manhã e das 15 às 19 horas, $ 5 nos fins de semana e $4 nos demais horários. O valor baixa pra tentar diminuir o movimento nos horários de pico.

Luzes na Bay Bridge

Nos últimos anos a ponte foi iluminada para o natal com o projeto The Bay Lights e ficou ainda mais especial. Todos os anos ele é o cenário principal para os fogos da virada do ano.

Bay Bridge. Foto: Helinton Andruchechen
Bay Bridge. Foto: Helinton Andruchechen

Quando meu mano veio me visitar ficou encantado e tirou umas fotos lindíssimas durante a noite 😀

Lights na Bay Bridge
Luzes na Bay Bridge. Foto: Helinton Andruchechen.

Eu adoro passear ali pelos piers e admirar esta vista linda da Baía.

Eu bem feliz na Bay Bridge
Eu bem feliz na Bay Bridge

Viva a Bay Bridge, há 80 anos conectando San Francisco com a East Bay 😀

Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.