Você tem interesse em estudar ou trabalhar nos Estados Unidos e têm dúvidas sobre a validade do seu diploma? Neste post reunimos as perguntas mais frequentes dos nossos leitores sobre quando é necessário validar seu curso superior, seja para fazer um curso de especialização ou para aplicar para vagas de emprego nos EUA.

Dúvidas sobre a validação de diplomas nos EUA

Validacao de diploma nos EUA
Validação de diploma nos Estados Unidos – foto ilustrativa

Outro dia escrevi este post Validação do diploma para trabalhar nos Estados Unidos e tive a impressão que basta ter um diploma para trabalhar nos EUA e achei melhor explicar um pouco melhor como funciona este processo, trazendo inclusive como foi minha trajetória em relação a validação do meu bacharel do Brasil para estudar e aplicar para vagas nas empresas dos Estados Unidos.

Diploma para trabalhar nos EUA

Primeiro, é interessante que você saiba, que o diploma é apenas um requisito para trabalhar nos Estados Unidos. Assim como ter uma graduação no Brasil pode te abrir portas para o mercado de trabalho, muitos profissionais fazem um curso superior para aumentar as chances de competir para determinadas vagas. O que não quer dizer, que ter um certificado em mãos te torna apto para trabalhar nos Estados Unidos. Se você for um estrangeiro, você precisa obrigatoriamente de um visto de trabalho para exercer qualquer atividade remunerada nos Estados Unidos.

Quem precisa convalidar o diploma nos Estados Unidos

Se você é formado e seu curso não exige uma prova ou teste específico para atuar na sua área, é bem provável que você não precise validar seu diploma pra estudar ou trabalhar nos Estados Unidos. Alguns profissionais fazem a validação neste caso, simplesmente por opção. Assim, mesmo antes de uma empresa ou instituição de ensino questionar, ela já tem a certeza que você está apto para fazer um determinado curso, ou aplicar para uma vaga que tem o curso superior como requisito.

Quais áreas é preciso validar o diploma nos Estados Unidos

Existem algumas profissões que embora você tenha curso superior, você vai precisar cursar algumas disciplinas e até fazer testes para convalidar seu diploma. Este processo pode custar um bom tempo além de exigir um certo preparo financeiro. É preciso estar ciente por exemplo, que para cursar algumas matérias as universidades vão exigir que você tenha um nível de inglês suficiente para acompanhar as aulas, e uma determinada pontuação em testes de proficiência como Toefl, que pode te exigir alguns meses de estudo. Outra coisa, nos Estados Unidos, as exigências das universidades variam de acordo com o estado, e o processo de convalidação em Washington, pode ser bem diferente da Califórnia. Então, uma das primeiras perguntas para se fazer é, onde é que eu quero atuar nos EUA? E depois tentar buscar os órgãos que regem a profissão naquele local. Googleia aí 😉 Neste post tem a experiência bem bacana de uma brasileira que convalidou o diploma de fisioterapia na Califórnia, bem legal pra ter uma ideia de como funciona o processo.

Preciso validar o diploma nos Estados Unidos?

Assim como no Brasil, algumas profissões não exigem algum teste específico para atuar na área e basta ter o diploma para aplicar para as vagas de emprego. No meu caso por exemplo, sou graduada em Turismo e Comércio Exterior, se eu quiser aplicar para vagas de emprego em uma destas áreas, posso fazer isto em qualquer país. Apenas o diploma comprova que eu conhecimento e capacitação para atuar na área. Sendo assim, eu não preciso convalidar meu diploma nos Estados Unidos para que a minha qualificação do Brasil tenha a mesma validade nos EUA. Entende?

Validação do diploma para estudar nos Estados Unidos

Se você quiser fazer um curso em uma universidade americana, eles vão querer saber quais foram as matérias que você cursou, assim como quais foram suas notas para avaliar se você está apto para estudar nos EUA. Algumas instituições exigem que você tenha o diploma e histórico escolar apenas traduzido para o inglês, outras ainda vão pedir que estes documentos estejam convalidados. Usando meu exemplo, eu fiz uma especialização na faculdade de jornalismo na UC Berkeley. Para aplicar para o curso, um dos requisitos era ter graduação, então a primeira solitação da universidade foi que todos meus documentos em português estivessem traduzidos para inglês. Para ter a certeza que as informações eram verdadeiras, tudo deveria ser feito por um tradutor juramentado. Foi o que eu fiz! Já aviso que os tradutores cobram por palavra e vai uma boa graninha para fazer a tal tradução. Dependendo do programa, se for um MBA por exemplo, eles exigem ainda que suas notas também sejam traduzidas.

Validação das notas para estudar nos Estados Unidos

Uma pergunta comum nas universidades americanas, por exemplo, é qual seu GPA. GPA significa Grade Point Average e é uma maneira padrão de medir o desempenho acadêmico dos estudantes. Como vocês devem imaginar ser um bom aluno pode fazer toda diferença na hora de tentar alguma bolsa de estudos ou admissão em determinados cursos. Nos programas que eu fiz, não foi necessário fazer a conversão, mas ter estas convalidações, é interessante para você provar que foi um bom aluno, tanto para aplicar para algum curso específico, quanto para uma vaga de emprego, principalmente se você foi um estudante examplar e isto pode fazer diferença na sua carreira 😉

Convalidação de notas: GPA

Esta convalidação vai basicamente converter suas notas do sistema de ensino do Brasil, que é de 0 à 10, para as letras A, B, C, D e F conforme é utlizado no sistema de ensino americano. Além de mencionar qual foi a quantidade de crédito e horas que você cursou e quanto isto vale comparado com o que as universidades americanas exigem. Entendeu? Se você for fazer um MBA nos EUA eles obrigatoriamente vão pedir esta convalidação. E se você está se perguntando se pode fazer um MBA nos EUA tendo um curso técnico no Brasil, uma das primeiras coisas que a universidade vai te pedir, será a convalidação do diploma. Assim eles sabem se a carga horária e matérias são equivalentes e você está apto pro curso. Pra se ter ideia, um curso de 4 meses em tempo integral nos EUA, pode equivaler a um ano de um curso normal e te oferecer a permissão para trabalhar nos EUA. Seu curso técnico pode equivaler a um bacharel se tiver a carga horária e disciplina de um bacharel nos EUA, então tudo depende do programa que você deseja fazer. Precisa checar os requisitos com a universidade!

Validação do diploma para trabalhar nos EUA

Vou dar um outro exemplo. Meu marido trabalha como engenheiro de software e quando aplicou para o H1-B a empresa pediu todos os documentos em inglês. Não era necessário fazer a tradução juramentada e nós mesmos traduzimos. Aí a empresa que iria patrocinar o visto dele enviou tudo para outra especializada em tradução, para fazer a convalidação. Esta convalidação, é uma forma de mostrar para o governo americano que ele tem todos os requisitos pra vaga, sendo que um deles era o diploma de bacharel. Como ele tinha transferido o curso no terceiro semestre entre universidades no Brasil, mesmo depois de ter tudo em mãos, o governo disse que a carga horária era menor. Então tivemos que ir até a universidade onde fez a primeira etapa do curso e pedir todos os detalhes: matérias, quantidade de créditos, números de horas e só assim, ele comprovou que o bacharel de ciências da computação no Brasil é equivalente ao mesmo programa nos EUA.

Preciso do diploma para trabalhar nos Estados Unidos

Ter um curso superior na sua área vai te abrir portas assim como no Brasil. Tem empresas que não se importam se você tem ou não diploma desde que você tenha experiência, outras exigem que você tenha MBA de uma universidade top nos Estados Unidos apenas para olhar seu currículo, é muito relativo! Mas claro, ter um diploma nos Estados Unidos ou pelo menos a convalidação, te ajuda a competir com canditados americanos tentando a mesma vaga de emprego. Lembrando que além do certificado em si, temos outros itens que devem ser considerados, como o idioma, visto, experiência profissional nos Estados Unidos e por aí vai. Ter o diploma, é um requisito. Somente o visto de trabalho, te torna legível para trabalhar nos EUA.

Empresas que convalidam o diploma nos Estados Unidos

Existem várias empresas que convalidam o diploma e basta você fazer uma busca simples na internet para encontrá-las. Aqui na Baía de San Francisco, uma das mais conhecidas e recomendas por empresas e universidades é a WES – World Education Service. No site você pode inclusive mencionar para qual fim precisa a validação, verificar quando é necessário e pedir orçamentos de acordo com os documentos que precisa. Se você tem dúvidas sobre sua área e profissão, sugiro verificar com eles! A empresa não faz a tradução, apenas a convalidação!

Quanto custa para convalidar o diploma

Se for uma validação simples de diploma pode te custar em torno de $100. O custo vai depender do que você precisa, pra quando, quais os documentos.

Perguntas frequentes sobre validação de diplomas

Será que o diploma vale nos Estados Unidos?

Ter um registro de engenheiro civil, passar no teste da OAB, ter uma clinica, você precisa passar em testes, ter licenças, correto? Se sua área exige isso no Brasil, é bem provável que você tenha que convalidar seu diploma estas licenças nos EUA. tente verificar com o órgão que rege sua profissão nos EUA.

Curso na área da tecnologia é mais fácil de validar o diploma?

Se seu curso não exige o que mencionamos na questão anterior, basta pagar para fazer a convalidação, e se quiser fazer, pois não é obrigatório! Convalidar apenas o diploma pode te custar em torno de $80.

Se eu fizer um mestrado nos EUA? Preciso convalidar o diploma para trabalhar?

Bom, neste caso você já vai ter que fazer pro mestrado 😉

Curso técnico, tem validade nos EUA?

Qualquer curso tem validade. Agora ter que convalidar o diploma ou ter oportunidades de emprego é outra história.

Me formei em nutrição, posso exercer minha profissão nos EUA, ou eu perco meu diploma?

Ninguém perde o diploma, mas dependendo do diploma, para atuar na área a convalidação é obrigatória, a maioria dos cursos na área da saúde são.

Já convalidou seu diploma? Conta pra gente como foi!

Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

Comentários

comentários

1 comentário

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here