O curso de inglês não é o suficiente pra aprender o idioma? Neste post explicamos sobre as atividades para complementar as aulas de inglês. Saiba onde praticar inglês com os nativos e o que você pode fazer além da sala de aula para facilitar o aprendizado do idioma.

Como complementar as aulas de inglês em San Francisco

Explore as bibliotecas locais

Biblioteca publica de San Francisco
Biblioteca pública de San Francisco

Além de livros, a maioria das bibliotecas oferecem cursos de idiomas, workshops, palestras e até treinamentos. A principal biblioteca de San Francisco, por exemplo, oferece cursos como: Design e Impressora 3D, é mole? Eles ensinam como usar o LinkedIn para procurar emprego, como escrever um currículo e por aí vai. Procure quais são as bibliotecas próximas de você, faça seu cadastro – que é super simples e qualquer um pode fazer, independende de ser residente ou estrangeiro! Explore o mural com as atividades oferecidas e aí basta participar nas que forem mais interessantes pra você!

Claro, que nestes lugares você encontra muito curso básico como usar internet, computador, celular que geralmente é voltado para os senhorzinhos locais, mas não tenha dúvidas que você vai encontrar algo interessante por lá. Pra se ter uma ideia, no Vale do Silício você pode até usar impressoras 3D nas bibliotecas públicas! Imagine quando teremos recursos deste nível no Brasil.

Se você tiver com filhos, têm inúmeras atividades pros pequenos e além de emprestar livros, você pode levar brinquedos pra casa!  Muitas oferecem os book clubes, onde o pessoal lê um determinado livro e se encontra pra discutir e treinar o idioma. Nas feiras do livro, você consegue comprar material por $1!

Eu mesmo já fui rata de biblioteca, participei de diversas palestras, recebi muitas dicas legais sobre materiais para elaborar o meu currículo e uma dica bacana é se cadastrar na newsletter deles para ficar antenado sobre a programação mensal. E se a biblioteca próxima da sua casa não for aquelas coisas, vá até a Main Library de San Francisco que eu garanto que a de lá é. Você pode também visitar a biblioteca das universidades, viu?! Toda cidadezinha na Bay Area tem pelo menos uma biblioteca e diversas delas são excelentes.

Sem desculpa para estudar inglês, conheça as bibliotecas públicas!

Faça voluntários

complementar as aulas de ingles
Eu ajudando Alex Sheen no voluntários da Because I said I would

Muitas organizações precisam de uma mãozinha em algumas atividades e não tem como oferecer nenhuma forma de remuneração, então pedem para que quem puder, ajude de forma voluntária. Embora você não receba nenhuma grana pelo seu tempo e dedicação, não tenha dúvidas que vale o esforço. É uma das formas mais simples de ficar em contato com os locais e praticar o inglês com os nativos. Como o trabalho é uma cortesia da sua parte, ninguém vai ser rígido nas cobranças. Se seu inglês for: the books in the table, digo, super básico a ponto de te deixar com vergonha de não conseguir entender o que os outros vão pedir, saiba que existem inúmeros tipos de trabalhos voluntários, entre eles atividades super simples, como ajudar na preparação de comida para moradores de rua, limpar um parque e por aí vai. Aí quando você se sentir mais confortável com o inglês, pode ir tentando outras tarefas que te colocam mais em contato com o idioma.

Eu já fui ajudar a limpar a praia, preparar refeições no evento de Thanksgiving, auxiliar moradores de rua a fazer teste de visão, organizar livros em bibliotecas, ajudar mulheres a se preparar pra entrevistas de emprego, já fui fotografar eventos, trabalhar na organização, recepção e por aí vai. No começo fiz coisas simples só para conhecer pessoas e ter mais contato com o inglês, depois comecei a me envolver em atividades mais relacionadas com a minha área para adquirir experiência profissional, hoje faço alguns por prazer em ajudar outras pessoas mesmo.

complementar as aulas de ingles
Limpando a praia em um voluntário em San Francisco

Os trabalhos voluntários são muito bem vistos pelas empresas nos Estados Unidos, já que uma maneira de você dedicar seu tempo e experiência em função de outras pessoas, contribuir em alguma causa que acredita. Além disso, poderá adicionar uma experiência internacional no currículo. Não importa que seja voluntário, você trabalhou e aprendeu, não é mesmo?

VolunteerMatch e GoVoluntr são excelentes fontes pra procurar trabalhos voluntários na Baía de San Francisco, explico sobre eles e a importância de fazer um voluntário neste post:

Julianne, viu esta dica no blog e fez voluntário ajudando pessoas de idade a usar computador, ela deu um depoimento pra gente e serviu de dica pro Arthur, que estava fazendo um curso na Product School e não só voluntariou no mesmo lugar ajudando os tiozinhos a usar internet e celular, como recebia um feedback na hora sobre seus aplicativos 😀

Oportunidades de estagiar também existem, no entanto, as empresas precisam seguir regras específicas para contratar mesmo sendo estágio. Na maioria das vezes os interessados só conseguem se tiver autorização de trabalho ou estiverem vinculado a um programa específico de escolas ou universidades, conto sobre os recursos pra estágios nestes posts:

Participe dos eventos

complementar as aulas
Evento Latinas em tech em San Francisco

San Francisco tem centenas de eventos todos os dias. Meetup é um dos principais recursos pra procurar por eles. Não estou apenas falando de painéis com experts que vão falar de tecnologia. No meetup você encontra todos os tipos de encontro e um dos mais populares é pra aprender idiomas, tem inclusive uma categoria específica lá que é learn a language, com grupos como: SF Language Exchange, Free conversation for international students, International Language Exchange, SF ELS, só pra citar alguns. Tem também os grupos descontraídos como SF Lovers para falar de viagens, Brazilian Portuguese speakers, latino dance, yoga no parque e por aí vai, estas reuniões podem te ajudar a praticar o idioma e fazer amizades. Muitas escolas de inglês de San Francisco fazem reuniões semanais em algum hostel conveniado e acontece uma espécie de happy hour em que o objetivo principal é juntar os alunos pra que o pessoal possa se entrosar e praticar inglês, participe! É uma oportunidade pra conhecer outras escolas e alunos de diferentes nacionalidades. Os encontros não são exclusivos para estudantes daquela instituição, todos são bem vindos. Pode ter certeza que nestas reuniões terá alunos de todos os níveis e seu inglês não será o pior deles 😛 Além disso, geralmente rola pizza na faixa!

Os sites EventbriteMeetup e Plancast são ótimos recursos pra procurar por eventosÉ só digitar San Francisco que centenas deles estarão acontecendo todos os dias.

Faça aulas e cursos extras

complementar as aulas de inglês
Olha eu pagando um mico no curso de extensão em Berkeley

San Francisco possui muitos lugares que oferecem cursos e programas gratuítos. Toastmaster é ótimo pra quem quer aprender a falar em público, JVS oferece cursos incríveis para aprender a elaborar um currículo ou aprender uma habilidade específica, os colleges tem cursos de inglês gratuitos e aulas para aprender photoshop, excel, moda, culinária entre outros cursos. O Arriba Juntos é uma instituição latina que tem cursos de ELS e programas voltado pros hermanos que você pode se beneficiar.

Note que não precisa necessariamente ser um curso de inglês, você pode fazer fotografia, ou qualquer coisa que goste e te coloque em contato com o idioma. Muitas cidades da Baía de San Francisco têm as Adult Schools, que oferecem aulas para adultos tanto de inglês como cursos técnicos e você pode tentar algo pra desenvolver vocabulário voltado pra sua área de formação. Se seu inglês for bom, arrisque um curso de extensão.

Pratique inglês o dia todo

Os cafés oferecem internet gratuita e um ambiente super confortável para você estudar. Leve seu computador, caderno e livros e passe o dia fora de casa, é uma maneira de sair da rotina, conhecer outras pessoas e treinar o ouvido. Vá nas lojas, supermercado, farmácia, museus, pratique o idioma sempre que tiver oportunidade. Este é o principal motivo pelo qual dizem que 1 mês de inglês em um país nativo é o equivalente a um semestre de curso no Brasil. Afinal, você pode aprender muito além da sala de aula. O FunCheapSF é um excelente lugar para saber sobre as atividades mais descontraídas que estão rolando na cidade e o que fazer sem gastar muito $$$, afinal é fun and cheap!

San Francisco oferece os walking tours pra você conhecer algum local específico que é uma ótima alternativa pra conhecer a cidade for free! Sempre faço amigos e aprendo um bocado quando participo. Você pode também fazer o tour guiado para conhecer as universidades.

Frequente a igreja

Como assim igreja? Isso mesmo, igreja! Nas igrejas as pessoas estão abertas para fazer novas amizades e compreensivas com quem busca ajuda de alguma forma. Você aprende com música, culto, grupo de jovens, e por aí vai! Outro dia uma amiga me convidou e fui na missa com ela. A moça do nosso lado deixou a filha dela no day care, que é a creche da igreja e recebeu um Ipad pra acompanhar caso a criança chorasse, dá pra acreditar? Achei incrível conhecer a tecnologia presente até num ambiente como uma igreja! Isso sem contar a transmissão simultânea do padre de outra cidade no painel multimídia e sobre cursos para ajudar a comunidade a se inserir no mercado de trabalho. Saí de lá impressionada e recomendo independente da sua religião!

Fuja de pessoas que falam português

Brasileiro é o povo mais legal do mundo! Eu sei! 😛 Quando estamos fora do Brasil, nada como alguém que fala nosso idioma e entende sobre nosso jeito de ser pra dar um help, certo? Errado! Salvo algumas exceções seus amigos do Brasil cometem os mesmos erros de inglês que você, eles falam Facebooki, Barti e você não vai melhorar desta forma. Além disso, é bem provável que eles queiram te explicar tudo que você não entende em português, porque facilita, neh? Mas aí você não evolui criatura. Faça amigos estrangeiros, preferencialmente americanos.

Tem outras dicas, manda pra gente!

Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

Comentários

comentários

3 Comentários

  1. Olá Waldana, gostei muito de tudo que vc escreveu. Tenho entrado em muitos sites e blogs e a maioria fala “muita abobrinha”. Muitas dicas legais. Quero receber informações mais atualizada. Obrigada.

    • Oi Marta,
      Que bom que gostou do blog, assina nossa newsletter e curta nossas redes sociais que sempre postamos tudo por lá.
      Obrigada por acompanhar.
      Bjao,
      Wal.

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here