Visto de trabalho L1

-

Se sua empresa tem escritório no Brasil nos Estados Unidos, o visto L1 ser uma excelente alternativa para que você possa trabalhar legalmente na terra do tio Sam.

Visto de trabalho L1

Visto de trabalho L1
Visto de trabalho L1

O que é o visto L1?

O L1 é um visto de transferência entre empresas do mesmo grupo. Ou seja, a empresa deve estar fisicamente presente e realizando negócios no Brasil e nos Estados Unidos. Neste caso, você pode ser transferido para o escritório da companhia nos Estados Unidos.

Quem pode solicitar o visto L1?

Ao contrário do visto H1-B, que é o visto de trabalho mais desejados pelos brasileiros que sonham em ter uma experiência profissional nos Estados Unidos, não há um prazo específico para fazer a solicitação do visto L1, não é necessário passar por uma loteria, não é necessário ter um grau de escolaridade ou anos de experiência equivalentes a um diploma. O interessado no visto L1 precisa apenas ter permanecido pelo menos um ano no cargo antes de solicitar o visto, e preferencialmente em uma posição de gerência ou de supervisão de outros profissionais.

Requisitos para aplicar para o visto L1

Os 3 principais requisitos para a aplicação do visto L1 são:

  • Relação entre as empresas, a matriz deverá possuir pelo menos 50% das ações da subsidiária;
  • Uma relação do trabalho atual na empresa no Brasil e do trabalho futuro na empresa nos Estados Unidos;
  • Presença de um escritório nos Estados Unidos e no Brasil e da comprovação que elas estão realizando negócios, o que significa prover bens ou serviços em ambos os países.

Tempo de processamento do visto L1

O tempo de processamento do visto L1 varia entre dois e cinco meses para solicitações normais. Se for solicitado o processo premium, pode levar apenas duas semanas. O premium é um serviço oferecido pelo USCIS para que as petições sejam processadas rapidamente, mediante o pagamento de uma taxa adicional, de $1.225.

Como funciona o processo do visto L1?

O processo tem duas fases: uma que se inicia nos Estados Unidos com a Imigração, e a segunda em um Consulado americano no Brasil. Ou diretamente nos Estados Unidos, caso o peticionário esteja residindo nos EUA. Neste último caso, será realizada a mudança de status. A petição do status do L1 é de responsabilidade da empresa americana, chamada peticionária, a pessoa que for transferida será a beneficiária.

Quando é possível solicitar o visto L1

O empregador pode solicitá-lo a qualquer momento. Não há prazos específicos e nem cotas para a emissão de vistos L1.

Filhos e esposa do portador do visto L1

Os filhos e cônjuge do portador do visto L1 podem solicitar o visto L-2 e uma das principais vantagens é que o marido ou mulher, uma vez que tem o visto L2, pode solicitar a autorização e trabalhar legalmente nos Estados após ter autorização do departamento de imigração americano, que leva em média 4 meses. Os filhos não podem trabalhar, mas podem frequentar uma escola tanto pública quanto particular.

Desvantagem do visto L1

A principal desvantagem do visto L1 é que o profissional fica totalmente vinculado a empresa em que trabalha. Se for demitido, precisa retornar ao Brasil. Neste caso, não tem como alterar status, vincular o visto com um outro empregador, se quiser trocar de emprego precisa fazer todo o processo de visto novamente.

Visto L para startups

Uma alternativa para muitos empresários é abrir uma filial de suas empresas no exterior e aplicar para o visto L1 ao invés do visto de investidor EB-5, que exige um capital inicial muito maior. O ideal é ter um advogado para auxiliar com plano de negócios que deve ser apresentado, onde é preciso constar os investimentos, as razões da abertura da empresa no território americano, precisa falar sobre os potenciais clientes nos Estados Unidos, entre outras exigências, como ter pelo menos 8 colaboradores e um faturamento anual de no mínimo $ 200.000,00. O presidente Obama está tentando facilitar a vida de quem quer criar negócios no país criando um visto específico para empreendedores, mas o L1 é uma alternativa para muitas startups.

Algumas empresas mencionam que o visto L1, permite a transferência apenas entre pessoas que tem um cargo de liderança ou que fazem parte da diretoria executiva de uma empresa brasileira para uma subsidiária nos EUA. Mas no caso de startups, incialmente a empresa pode ter poucos colaboradores e todos com os cargos de liderança. Se o plano de negócios for bem estruturado, este visto é possível.

O gasto com honorários e as taxas governamentais para tentar este visto são de aproximadamente $7000.

Quanto tempo dura o visto L1?

O visto L-1 é concedido por um período inicial de até três anos e pode ser prorrogado para uma permanência total de até sete anos.

Se a empresa for nova nos Estados Unidos, o tempo inicial geralmente concedido para o visto L1 é de um ano. Ao solicitar novamente a prorrogação, a imigração analisará o desenvolvimento da empresa, o volume de negócios, a quantidade de funcionários, faturamento, e em caso positivo, o visto é geralmente renovado por mais dois anos.

A renovação do visto L1 poderá ser concedida nos Estados Unidos mesmo, sem a necessidade de retornar ao Brasil.

Quem tem o visto L1 pode solicitar o green card?

Sim. Depois de um ano com o status L1, o portador deste visto se qualifica para a solicitação do green-card. No caso de novas empresas, a instituição deverá estar ativa nos Estados Unidos por pelo menos um ano.  O visto L1 é inclusive considerado por muitos o caminho mais curto para a residência permanente nos Estados Unidos.

Waldana
Waldana
Inspirada por uma das lições mais valiosas do Vale do Silício: dê o seu melhor que a vida retribui, resolveu juntar sua experiência no segmento educação internacional, seu amor por viagens e seu entusiamo por novos negócios criando o blog para compartilhar um pouco de tudo que sabe e aprende todos os dias.

34 COMENTÁRIOS

  1. Uma pergunta, a empresa está em nome da minha sogra, no caso pode abrir uma filial nos EUA e eu pedir o L1 como gerente e abrir lá? Obrigado!

    • Não é tão simples assim Renan. Para a empresa fornecer L ela tem que cumprir vários requisitos, como contratar um time e comprovar cargos de gerência para várias pessoas. Abrir a empresa é simples, mas movimentar e fornecer L para funcionários é bem complicado. O ideal é verificar com um advogado.
      Att,
      Wal.

  2. Olá Waldana,
    Assim que eu conseguir tirar o visto L1
    Tenho que viajar imediato ou tenho um prazo específico ?
    Outra pergunta!
    Se eu não me quiser mais trabalhar nesta empresa e quiser mudar de emprego , como fica esta situação ?

    • Oi Renato,
      Você tem que iniciar conforme o combinado com a sua empresa. Não há um prazo específico, mas se você aguardar muito eles podem questionar pq a demora. O l1 não tem prazo e cota justamente para ser início imediato.
      L1 não permite que você mude de emprego, se sair, tem que voltar ao Brasil e começar outro processo. (desvantagem desta categoria de visto).
      O H1b sim, permite que você mude de emprego se uma nova empresa assumir o seu visto.
      Att,
      Waldana.

  3. Olá. Adorei seu texto. Meu marido será transferido para o EUA e a empresa está providenciando o nosso visto. A data prevista é fevereiro de 2019. O visto já pode ser solicitado e concedido ou é necessário que chegue mais perto da data de ida? Se a empresa pagar a taxa pelo visto Premium, já pode solicitar em agosto, por exemplo? Muito obrigada

    • Oi Tainara,
      O visto L1 pode ser solicitado a qualquer momento. Não precisa ser perto da data da ida, no entanto algumas empresas só fazem próximo da data – os advogados vão saber auxiliar vocês. No caso do L1 não tem processo premium, uma vez que não há data limite para as aplicações/ aprovações. Pode iniciar o processo em agosto para ir em fevereiro sim.
      Att,
      Wal.

  4. Oi Waldana, tudo bem?

    Tenho uma rede de lojas de vistorias veiculares no Brasil e estou pensando em abrir uma filial nos EUA (a filial seria de uma área diferente) e posteriormente dar entrada no L1. É possível?
    Se sim, eu pegando o L1, o meu sócio aqui no Brasil conseguiria dar entrada no L1 junto comigo?

    Obrigado!

    • Oi Matheus,
      Neste caso você precisa de um visto de investidor. Acredito que o L não é uma solução no seu caso, mas o ideal é contatar um advogado de imigração para que eles possam explicar as opções.
      Um abraço,
      Wal.

  5. Boa tarde, Waldana

    Meu marido tem L1B, nos nao temos o Apoio da empresa para Eles pedir o green card, o Visto do meu marido ja foi renovado por Uma vez nos temos outra forma de pedir o green card, por favor poderia me dar alguma esperanca, ok obrigada.

    Atentente:
    Maria Elena Reyes P.

    • Oi Malena,
      Infelizmente o processo do green card é como do visto de trabalho, é a empresa que faz o pedido do green card em nome do funcionário. Eu não conheço outro meio do caso do visto L1, será que ele não consegue conversar com a empresa para convencê-los. É horrível depender destas empresas neh? :/
      Um abraço e sucesso pra vocês!
      Wal.

  6. Ola Wal!

    Excelente post! Eu voltei ontem do consulado e tive meu visto aprovado!

    A questão que não encontro em pagina nenhuma é: Para que serve a taxa anti fraud de 500 dolares que paguei!?

    Ha alguma chance de meu visto ser negado após a entrevista ter me aprovado?

    Não fiz nada de errado e nem menti, mas sabe como é, né? Rs

  7. Oi Waldana, muito boa as suas matérias. Pretendo imigrar paraSan Francisco pela mesma empresa, tenho algumas dúvidas:

    Caso eu consiga transferência na empresa e o L1, conseguir também o green card e por alguma infelicidade sou demitido ou decido sair, eu também preciso voltar ao Brasil e conseguir outro visto?

    Tenho união estável registrado no cartório, preciso mudar para casado para dar o L2 à minha esposa?

    • Ahhh outra dúvida, eu consigo antecipar a solicitação desse visto ou ela tem que ser iniciada pela filial dos EUA?

      • Leornardo,
        A filial dos EUA dá entrada no visto, mas você deve estar no Brasil enquanto acontece todo o processo e precisa do visto em mãos pra viajar. O bom do L1 é que não tem cotas ou prazos como o H1-B.
        Um abraço,
        Waldana.

    • Oi Leornardo,
      Quando você tiver o L1 a empresa pode pedir a extensão do visto e/ou solicitar seu green card (geralmente eles aplicam para o green card após um ano na empresa). Você precisa estar vinculado a esta mesma empresa até seu green card sair. Caso você decida trocar de emprego, sair ou for demitido, precisa solicitar um novo visto (iniciar tudo do zero) e seu processo do green card atual é cancelado.

      Acredito que a união estável equivale ao casamento – mas você terá que contatar os advogados pra ter certeza!

      Att,
      Waldana.

  8. Olá Waldana,

    Tenho um dúvida com relação ao visto L1, minha esposa trabalha em uma empresa americana com filial no Brasil e será transferida para o EUA com o visto L1, minha duvida é com relação ao vinculo dela com a empresa aqui no Brasil, uma vez estando ela nos EUA como fica com relação ao salário dela no Brasil, impostos e encargos para o empregador como FGTS entre outros, no meu entendimento ela teria o contrato de trabalho encerrado aqui no BR e um novo “contrato” no EUA correto?

    • Oi Romulo,
      Se ela vai trabalhar no escritório dos EUA ela terá que fazer uma negociação do salário em USD e deve seguir as regras trabalhistas dos Estados Unidos. A empresa saberá orientá-la, mas resumindo, ela deixa de trabalhar no Brasil, para trabalhar nos EUA. Até pq o salário dela em reais seria dividido por 3 neh? Tem que barganhar todos os detalhes na hora desta transferência!
      Att,
      Wal.

  9. Tenho uma empresa no Brasil no ramo de Fast Food a mais de 5 anos…tenho como aplicar o L1..estou em planejamento para morar nos EUA….mais gostaria de ficar legal….

    • Jefferson,
      A empresa precisa estar em ambos os países para vc aplicar pro L1. No caso de fast food eles vão pedir o visto de investidor – EB2. Minha opinião é que como os EUA é o país do fast food, eles não vão facilitar qualquer visto neste caso.
      Att,
      Waldana

  10. Olá, tenho uma micro empresa (MEI) aqui no Brasil , que é um estúdio fotográfico , consigo aplicar o L1 com micro empresa?

    • Oi Leonardo,
      Infelizmente não. A empresa tem que ter sede em ambos os países e apesar de ser relativamente fácil abrir uma empresa, é bem burocrático quando trata-se de “dar” visto para quem vai trabalhar nela. (você no caso). A Apex Brasil tem um escritório em San Francisco e eles podem te dar sugestões do que fazer 😉
      Um abraço,
      Wal.

  11. Muito bom o post. Obrigado. Tenho L1 mas na última renovação que fiz foi no Brasil em 2016. Não sabia que poderia ser renovado aqui mesmo. Você sabe se existe algum processo especial pra isto?

  12. Boa tarde,

    Meu noivo está iniciando um processo de transferência para os EUA e irão providenciar o visto L-1 para ele. Ainda não somos casados. Nosso plano é casar depois que ele já estiver morando lá.
    Como é o processo para conseguir o L-2? Eu consigo dar entrada no processo logo após casar? Tem algum impedimento a solicitação do meu visto ser depois que ele já estiver morando lá?

    Obrigada,
    Aline

    • Aline,
      Na teoria o L2 é um visto para dependentes do L1 e você pode pedir o visto a qualquer momento desde que estejam casados.
      No entanto, com certeza se vocês já estiverem casados e solicitarem os dois vistos juntos antes de sair do Brasil, as chances de ter sucesso são maiores. Eles levam vínculo muito a sério e podem negar o seu visto caso desconfiem de alguma coisa. (do tipo, casou só pra mudar pros EUA). Além disso, tem empresas que não cobrem os custos do visto nestes caso…(o L2 é caro)! Se a empresa do seu noivo tiver uma equipe jurídica, eu sugiro que vocês entrem em contatos com os advogados antes de dar entrada no visto dele e repenmsem sobre adiantar o casório 😀 (ao menos no papel).
      Um abraço,
      Waldana.

  13. A solicitação do Green Card é imediata para visto L1, só depende da autorização do seu empregador. Não há a necessidade de esperar 1 ano.

Fechado para comentários.

Leia Também

Mulher fazendo as unhas no robo

Como fazer suas unhas no robô manicure

0
Se você adora unhas bem cuidadas, mas não tem tempo para ir no salão, seus problemas acabaram! Apresento a você: Clockwork, o robô manicure.
hot springs em Napa Valley

Hot Springs em Napa Valley: conheça as relaxantes águas termais de...

0
Uma viagem para Napa, vai muito além de provar bons vinhos. Conheça as hot springs e relaxe nas águas termais de Calistoga.
Esalen

Como visitar o Esalen em Big Sur? Dicas para você voluntariar...

0
Saiba como você pode fazer um voluntariado no Esalen para conhecer um dos lugares mais paradisíacos da California sem gastar nem um centavo.